SEDS

Avalie este item
(0 votos)

Mais agilidade e dignidade. É essa a contribuição que o Presídio Floramar, em Divinópolis, ganhou com a inauguração do Scanner Corporal em suas dependências, nesse terça-feira, 07.11.2017. O equipamento será utilizado para revistas a visitantes, presos, servidores e colaboradores e é muito eficiente na detecção de materiais e objetos ilícitos, como drogas e celulares. O investimento de 228 mil reais faz parte do Projeto Mais Segurança e Dignidade, da Justiça Federal, Subseção Judiciária de Divinópolis.

O Subsecretário de Segurança Prisional, Washington Clark, esteve na solenidade de inauguração. Ele destacou a importância do novo equipamento e também das parcerias com o Sistema Prisional. “A Secretaria de Estado de Administração Prisional nada seria sem os seus importantes parceiros e aliados. É com muito prazer que estou aqui hoje prestigiando esse evento. O novo equipamento traz dignidade e humanização para o visitante e ao mesmo tempo segurança para a unidade. Vemos claramente aqui um exercício de cidadania por parte de todos os servidores do Presídio. É uma gestão que se destaca pela criatividade, competência e articulação, um grande exemplo para outros diretores” afirmou o Subsecretário.

A parceria começou em 2016, e neste um ano, a Justiça Federal trouxe grandes contribuições para a unidade. O grande responsável por todo esse apoio é o Juiz Federal Fabiano Verli.

A unidade é a 13ª do Estado a receber este tipo de equipamento. Serão pagos 24 meses de aluguel, com um custo mensal de 12 mil reais, totalizando R$ 288 mil. A verba é proveniente de pagamentos de prestações pecuniárias da Justiça Federal Subseção Judiciária de Divinópolis. Além do escâner corporal, o Projeto Mais Segurança e Dignidade também custeou algumas reformas e melhorias na unidade, tais como reparos elétricos nos pavilhões e galpões de trabalho; manutenção em toda a rede de esgoto; aquisição de rádios de comunicação HT, equipamentos para o Circuito Fechado de TV (CFTV); instalação de alambrados, caixa de proteção de celas e divisão das alas; compra de computadores e impressoras para a equipe técnica; compra de instrumentos musicais para o coral dos detentos; pintura do galpão de trabalho do pavilhão I; aquisição de lonas para os pátios de banho de solo e visitação; custeio e atendimento veterinário aos cães patrimoniados da unidade; manutenção de viaturas e manutenção do CFTV.

Até o momento, 80% dos Agentes de Segurança Penitenciários do Presídio foram treinados para operar o aparelho, o objetivo é que todos saibam manuseá-lo. Para a diretora-geral da unidade, Elisabete Pinheiro, a aquisição vai melhorar o trabalho de todos. “Os procedimentos de segurança serão mais rápidos, mais seguros e com maior conforto, tanto para visitantes quanto para os funcionários”.



A diretora-geral também fez questão de pontuar a importância do apoio da Justiça Federal no trabalho da Unidade. “Quero deixar claro o meu agradecimento e reconhecimento aos nossos parceiros. Esse auxílio é imprescindível, não conseguiríamos nada sozinhos. As diversas oportunidades que nos foram proporcionadas contribuem muito para o trabalho dos nossos servidores, para o atendimento dos presos, enfim para o funcionamento de toda a unidade prisional”.

Estiveram presentes no evento: o Juiz de Direito da Vara de Execução Criminal, Infância e Juventude, Francisco de Assis Corrêa; o Promotor de Justiça da 8° Promotoria de Justiça Criminal, Márcio Aurélio Rodrigues de Carvalho; o Coordenador Regional da Defensoria Pública de Divinópolis, Vanderlei Capanema; o Vereador do município, Sargento Elton Geraldo Tavares; o Comandante da 7° Região de Polícia Militar, Major Mendonça; o Capitão Ricardo, representando o Comandante do 23° Batalhão da Polícia Militar, Tenente Coronel Marcelo Augusto; o Delegado Regional da 1° Delegacia de Polícia Civil de Divinópolis, Leonardo Moreira Pio; o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil de Divinópolis, Carlos Alberto Faustino; o Diretor Referência da 7° Região Integrada de Segurança Pública, Giovane de Faria Gonçalves; e os diretores-gerais de unidades prisionais da região.

Avalie este item
(0 votos)

Uma força-tarefa foi criada pela Secretaria de Estado de Administração Prisional, (SEAP), por meio da Superintendência de Recursos Humanos, no início do mês de novembro, com o objetivo de dar celeridade às confecções das Identificações Funcionais dos servidores da pasta. Em uma semana foram confeccionadas mil carteiras. Este volume corresponde à produção mensal anterior à ação da força-tarefa.

O Núcleo de Identificação entregou as carteiras em quatro unidades prisionais da Região Metropolitana de Belo Horizonte no dia 16.11. Os servidores do Núcleo estiveram no Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem; no Presídio Inspetor José Martins Drumond; no Presídio Antônio Dutra Ladeira e na Penitenciária José Maria Alkimim, todas em Ribeirão das Neves. As identificações funcionais destinadas às unidades prisionais do interior começam a ser enviadas, via malote, ainda nesta sexta-feira, 17.10.

funcionais 2


Segundo o Superintendente de Recursos Humanos da SEAP, Ronildo André da Silva, foram priorizados servidores provenientes do concurso de 2013, uma vez que estes ainda não possuíam nenhum tipo de identificação. “Depois de publicados os resultados do Treinamento Com Arma de Fogo (TCAF) e recebidos os documentos corretos exigidos para a confecção das carteiras, estima-se que o prazo máximo para o recebimento pelos servidores seja de dois meses”.

Desde o início da entrega dos documentos em julho deste ano, já foram expedidas 4.638 Identidades Funcionais. Uma das dificuldades encontradas pelo Núcleo de Identificação para tornar o processo de produção das carteiras mais eficiente, é o envio correto da documentação pelos servidores nas unidades prisionais. Cerca de 20% dos documentos recebidos pelo Núcleo são devolvidos, via malote, para correção de informações; e isso provoca o atraso do procedimento.

Documentos necessários: https://goo.gl/pzkEwL

Para mais informações, é só ligar no número direto do Núcleo de Identificação (31) 3915 5513.

Avalie este item
(0 votos)

Para solicitar a Identidade Funcional é necessário preencher a ficha de requerimento que se encontra na Intranet no tópico Recursos Humanos - Assessoria da Superintendência de Recursos Humanos.

CASO A MODALIDADE SOLICITADA DE CARTEIRA FUNCIONAL SEJA 1° VIA; DEVERÁ SER ENVIADO PARA A SRHU OS SEGUINTES DOCUMENTOS:

- 2 (duas) fotografias recente do Agente Público com uniforme bege-01, em tamanho 3 cm x 4 cm;
- 2 (duas) cópias, da frente e do verso, da Carteira de Identidade ou Carteira Nacional de Habilitação;
- 2 (duas) cópias do Cadastro de Pessoa Física – CPF;- Ficha do Sistema Nacional de Armas – SINARM, devidamente preenchida, emitida pela Polícia Federal, caso o solicitante seja Agente de Segurança Penitenciário efetivo;


(http://www.pf.gov.br/servicos-pf/armas/form-sinarm).

Avalie este item
(0 votos)

Para solicitar a Identidade Funcional é necessário preencher a ficha de requerimento que se encontra na Intranet no tópico Recursos Humanos - Assessoria da Superintendência de Recursos Humanos.

CASO A MODALIDADE SOLICITADA DE CARTEIRA FUNCIONAL SEJA 1° VIA; DEVERÁ SER ENVIADO PARA A SRHU OS SEGUINTES DOCUMENTOS:

- 2 (duas) fotografias recente do Agente Público com uniforme bege-01, em tamanho 3 cm x 4 cm;
- 2 (duas) cópias, da frente e do verso, da Carteira de Identidade ou Carteira Nacional de Habilitação;
- 2 (duas) cópias do Cadastro de Pessoa Física – CPF;- Ficha do Sistema Nacional de Armas – SINARM, devidamente preenchida, emitida pela Polícia Federal, caso o solicitante seja Agente de Segurança Penitenciário efetivo;


(http://www.pf.gov.br/servicos-pf/armas/form-sinarm).

Avalie este item
(0 votos)

Caros Colegas do Sistema Prisional, a Associação AMAFMG com uma de suas características a atuar com legalidade, acompanha o trabalho também de setores na SEAP.

Constantemente temos observado a divulgação da Diretoria de Atenção a Saúde do Servidor de informações a respeito de ASSEDIO MORAL. Muito recorrente no Sistema Prisional. Orientando a classe, dentro das previsões legais. Uma vez que atestados médicos, causa um grande prejuízo para a Unidade Prisional e para o Estado. 

E que para isso, estão sempre orientando o que é o Assedio Moral, quais as previsões legais, o que os colegas devem fazer caso estejam sendo Assediados.

Abaixo mais 02 (dois) Folderes explicando tudo isso, de forma resumida, mais de fácil entendimento. Atitudes como essa é louvável, pois demonstra a preocupação com a saúde dos servidores do Sistema Prisional.

No qual AMAFMG repudia qualquer ato de abuso de poder, de Assedio Moral. As atribuições do cargo já são tão exaustivas fisicamente e principalmente psicologicamente, carga horária que dificulta o maior tempo fora do âmbito interno das unidades, prejudicando a saúde do servidor.

Sendo assim esse trabalho de apoio e cuidados com a saúde do servidor esta sendo visível. E há de ser reconhecido. E exemplo de dedicação e atenção aos servidores.

Para conhecimento da Categoria é importante salientar, que a Associação AMAFMG participou de uma reunião com as entidades de classe na Cidade Administrativa, com o Secretario Adjunto em que a Diretoria de Atenção ao Servidor apresentou a proposta de REGIONALIZAÇÃO de seu trabalho.

A Proposta apresentada é criação nas Risps de NUCLEO INTEGRADO DE ATENÇÃO BIOPSICOSSOCIAL (NIAB). Para fazer esse trabalho na própria região como: Os servidores terão orientações sobre Licenças para tratamento de saúde, ajustamento funcional, Acidentes de Trabalho, orientações sobre Assedio Moral, acolhimento e atendimento psicossocial. E aos agentes ameaçados em razão da atuação profissional, serão assistidos pelo Programa Lares Gerais.

DA EQUIPE

O Núcleo a principio contara com uma equipe mínima: Assistente Social e Psicólogo, tendo a previsão de compor o quadro um Psiquiatra, Técnico em Segurança do Trabalho, Enfermeiro, dentre outros.

Sendo assim a AMAFMG, esta diariamente lutando pela nomeação dos Profissionais Administrativos do Concurso EDITAL SEPLAG/SEDS Nº 07/2013 Administrativos. Que poderão atuar nesse Núcleo nas Risps. Nomeando Analistas e Assistentes.

Iremos apoiar essa iniciativa, de extrema necessidade uma vez que o Estado de MG é muito extenso em suas Regionalizações. Conte com a AMAFMG em favor dos Servidores do Sistema Prisional.

 

Unidos Somos Mais Fortes.

Julio Costa  - Presidente AMAFMG.

Avalie este item
(0 votos)

 

O Secretário de Estado de Administração Prisional, Desembargador Francisco Kupidlowski, assinou nessa segunda-feira, 28.08, uma resolução que cria o Banco de Movimentação da Secretaria de Estado de Administração Prisional (SEAP). O sistema irá facilitar a remoção de funcionários da SEAP em todo o estado. O link, com um formulário, será disponibilizado na Intranet. O servidor deverá acessar o portal interno, cadastrar-se, e indicar duas unidades para as quais deseja ser transferido, independente da Região Integrada de Segurança Pública (RISP). Confira abaixo como funcionam os processos de remoção: #UMANOSEAP

Link para fazer inscrição somente pela rede da intranet:

http://sistema.administracaoprisional.mg.gov.br/remocao_servidor/padrao.php?codigo=FTlgJiBbnIab3pvh98NDCRVb9IwIZUjerNrTpWo8AhU%3D&pag=JwY9JwDkpKR5PQ9PEy6JbUktmvlLBCa6xb6y0QUScn1UW%2FSMCGVI3qza06VqPAIV


PASSO A PASSO 

Avalie este item
(0 votos)

Participe das comemorações do Aniversário de 1 ano de criação da Secretaria de Estado de Administração Prisional (SEAP/MG)

4-5-6/Setembro
Exposições de Fotos e Materiais do Sistema Prisional
Local: Túnel que liga o prédio Minas ao Centro de Convivência da Cidade Administrativa.
Horário: a partir das 09:00

06/Setembro
Feira do Sistema Prisional com exposição dos produtos produzidos por presos.
Local: Túnel que liga o prédio Minas ao Centro de Convivência da Cidade Administrativa.
Horário: a partir das 09:00

12/Setemnbro
Solenidade de Comemoração do Aniversário de 1 ano da SEAP/MG
Local: Auditório JK - Cidade Administrativa
Horário: 14:30

*AMAFMG*
*Associação Movimento dos Agentes Fortes de Minas Gerais*
_Unidos Somos Mais Fortes_
_Julio Costa_
????


Avalie este item
(0 votos)

Números são o que não faltam nos trabalhos relativos à posse dos Agentes de Segurança Penitenciários do concurso de 2013. Foram empossados 6.189 homens e mulheres para atuarem em unidades prisionais das 19 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risps) de Minas Gerais. Neste trabalho, que foi concluído no último dia 24 de agosto, participaram servidores da área de Recursos Humanos, Financeiro, da Segurança e da Humanização, totalizando cerca de 70 pessoas, durante oito meses de trabalho.

O primeiro grupo de agentes ingressou na SEAP em 28 de dezembro do ano passado, e a partir desse dia, foram realizadas 31 posses, todas na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte. O Secretário de Estado de Administração Prisional, Desembargador Francisco Kupidlowski, ressalta a importância das nomeações. “Humanização do atendimento e valorização do servidor são prioridades da nossa gestão. Nesse sentido, priorizamos a posse dessas pessoas que se dedicaram a um concurso público e são fundamentais para o funcionamento das unidades prisionais do Estado.”

As atividades administrativas da área de Recursos Humanos foram coordenadas por Henrique Romano, Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental, formado pela Fundação João Pinheiro no curso de Administração Pública. “Foi um desafio, porém, muito motivador e gratificante. Toda a equipe não mediu esforços para ajudar e atender da forma mais eficiente possível”, avaliou o coordenador.


Etapas

Após a nomeação pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG), os aprovados são convocados para a perícia. As etapas seguintes consistem na apresentação dos documentos, conferência da documentação, lançamento das informações de cada novo servidor no sistema, a posse e a escolha da vaga, de acordo com a classificação no concurso. Por último, a assinatura na ata de comparecimento e o “encerramento” da pasta e encaminhamento para o Setor de Pagamento.

Em cada dia de posse, foram atendidas cerca de 200 pessoas, com uma média de 1h30 para cada nomeado. Para tanto, foi necessária a instalação de salas especiais e, especialmente, a dedicação dos servidores envolvidos no processo.

“Aprimoramos os trabalhos conforme constatamos algumas necessidades, como por exemplo, o atendimento de funcionários do Banco do Brasil para abertura de contas bancárias no local da posse”, explicou Henrique Romano.


FONTE: SEDS

AMAFMG
Associação Movimento dos Agentes Fortes de Minas Gerais
"Unidos Somos Mais Fortes"
Julio Costa
????

ACESSOS RÁPIDOS

                  

AMAF MG

AMAF MG
Associação Movimento Agentes Fortes de Minas Gerais

Presidente: Julio Costa

ÚLTIMOS POSTS

NEWSLETTER

Assine a newsletter da AMAF e receba em seu email as principais notícias do Sistema Prisional de Minas Gerais